3 de julho de 2018
Categorias Viagens

Guia de viagem pelo Mercosul

img/planalto_blog/441_post_2752.jpg

Os países que participam do Mercosul são procurados anualmente por muitas pessoas para turismo, mas poucos sabem como viajar por esses países com a facilidade da documentação do Mercosul. O tratado entre esses países permite um turismo mais fácil do que se a viagem fosse feita entre países sem tratados. Neste artigo mostraremos brevemente os documentos necessários para viajar pelo Mercosul, bem como as atrações turísticas e os pontos mais visitados.

O que é o Mercosul e quais países fazem parte dele?

O Mercosul (Mercado Comum do Sul) é um bloco econômico que foi criado em 1991 pelos países da América do Sul. Inicialmente, apenas a Argentina, o Brasil, Paraguai e o Uruguai faziam parte dele. Esse bloco foi criado para facilitar a circulação de mercadorias entre esses países, bem como melhorar as taxações dos produtos. No entanto, focaremos nos documentos aceitos pelo bloco econômico para que viagens turísticas sejam feitas.

Que documentos são necessários para viajar pelos países do Mercosul?

Tanto a Argentina quanto o Uruguai só pedem o RG brasileiro para viajar até lá. No entanto, o Paraguai pede o RG e também um certificado internacional de vacina contra a febre amarela que pode ser obtido com a ANVISA. Países associados com o Mercosul como o Chile e a Bolívia também permitem a passagem pelos países, desde que o RG e o certificado de febre amarela da Anvisa sejam mostrados às autoridades.

Atrações turísticas nos países do Mercosul

Saber as atrações turísticas dos países do Mercosul nos faz compreender o porquê dele ser alvo de vários turistas em todos os anos. Vamos falar sobre as atrações de cada um deles e quais as melhores de se visitar durante uma viagem.

Argentina

Ao norte da Argentina temos o Valle de la Luna, um parque que tem o nome oficial de Parque de Ischigualasto. Além de ter vários penhascos, o lugar tem várias formações geológicas interessantes para serem observadas. Há, também, um lugar muito procurado pelos turistas dentro da Argentina, o Caminito. É uma rua estreita e bonita que permite que você tire fotos inesquecíveis para seu álbum de viagens.

Caminito - Argentina

Caminito – Argentina


Uruguai

O Uruguai guarda ótimas atrações turísticas históricas, como a Praça Independência. Essa praça abrange o Palácio de Estévez, a estátua de José Artigas e a Torre Executiva (sede do Poder Executivo do país). O local é cheio de referências históricas e deve estar na lista de visitas de qualquer turista. A Catedral Metropolitana, principal igreja católica do país, também é uma ótima atração histórica a ser visitada por todos os turistas.
Praça da independência - Uruguai

Praça da independência – Uruguai

Brasil

Sobre o Brasil, existem várias atrações a serem comentadas, mas as que precisam ser destacadas são duas: o Cristo Redentor no Rio de Janeiro, e a Catedral Metropolitana em Brasília.
A Catedral foi projetada por Oscar Niemeyer e o espaço foi inaugurado em 1970. Obras importantes estão nesse local, o que o torna mais valioso para o turista do que parece à primeira vista. Já o Cristo Redentor é o cartão postal brasileiro, já que quando falamos de Brasil internacionalmente, quase todos pensam no Cristo Redentor.
Não falamos nem dez por cento de todas as atrações dos países do Mercosul, mas tentamos destacar as melhores para que você se sinta incentivado e motivado a pesquisar sobre algum desses países em específico e de forma mais profunda. Também informamos os documentos necessários para a passagem pelas autoridades desses países. O Mercosul facilita bastante a viagem entre os países, pois alguns deles só pedem seu RG. Sabendo disso, fica tudo mais fácil para tornar concreta a sua viagem pelos países do Mercosul.
Cristo Redentor - Brasil

Cristo Redentor – Brasil



Ficou com alguma dúvida?
Corretor Online
Abrir Atendimento Online

Ou nós ligamos para você
Realize uma cotação
e simule online
Entre em contato conosco e encontre o melhor benefício para você!