9 de setembro de 2019
Categorias Automóvel, Seguros

Quando devo acionar o seguro do meu carro?

A franquia do seguro do seu carro tem um valor que nem sempre é baixo. Com isso, surge a dúvida de quando acionar o seguro? Nesse artigo, vamos conversar sobre quais momentos você deve notificar a sua seguradora.

Fazer um seguro do carro é extremamente importante para que, em casos de acidentes ou outros danos, você não tenha um prejuízo financeiro. Assim, ameniza os prejuízos e utiliza melhor o seu dinheiro.

Quer entender o que influencia no valor do seguro? Confere aqui!

É claro, um seguro veicular serve para cobrir danos ao veículo, porém, nem sempre acioná-lo pode ser a melhor opção. Estamos falando da franquia.

A franquia é o valor cobrado pelas seguradoras para custear o serviço de reparo do veículo. Dessa forma, em alguns casos, o valor da franquia se torna muito alto em relação ao tipo de serviço que deverá ser realizado. Sendo assim, acionar o seguro acaba não compensando financeiramente.

A seguir, vamos entender melhor quando acionar ou não o seguro do seu carro.

Pequenos danos

Quando, por exemplo, o farol, espelhos ou lanternas quebram, acionar o seguro pode ficar mais caro que um conserto no seu mecânico de confiança. Pois, a franquia cobrada para o conserto de pequenos danos pode ser maior que o valor cobrado por um mecânico. Tendo em vista que esse tipo de reparo apresenta um valor baixo de mão de obra.

Por isso, o mais indicado nesses casos é fazer um orçamento antes de acionar a seguro. Se o valor cobrado pelas oficinas mecânicas for mais caro que a franquia do seguro, é preferível acioná-lo. Caso contrário, é melhor ficar com o serviço do mecânico particular.

Dessa forma, antes de contratar um seguro, é importante conhecer os valores das franquias, saber qual tipo de seguro pode te favorecer, conhecendo o tipo de motorista que você é. Ainda, reiteramos que por menor que seja o reparo realizado, independente do seguro, é sempre bom informar a empresa sobre o procedimento que foi feito. Para evitar problemas posteriores.

Danos causados por terceiros

Você está dirigindo tranquilamente quando outro carro causa um acidente que te envolve. Primeiramente, a atitude a ser tomada é verificar se estão todos bem e depois entender como aquele acidente aconteceu. Além de acionar polícia na mesma hora. Tente sempre manter a calma.

Se o acidente não foi provocado por você, mas pelo motorista do outro carro, duas coisas podem acontecer:

– Se o carro do outro motorista tiver seguro, a seguradora dele pode cobrir os danos do seu veículo, dependendo do formato que ele contratou;

– Se o carro dele não tiver seguro, os custos do reparo deverão ser pagos pelo motorista que causou o acidente.

Portanto, se um terceiro causou o dano ao seu carro, quem deve pagar os custos do reparo será a seguradora do terceiro ou ele mesmo. Mas, independente do procedimento adotado, a sua seguradora deve ser notificada do ocorrido.

Acidentes provocados por você

Se o acidente foi provocado por você e causou danos em seu veículo e no do terceiro, primeiramente, antes de contatar o seguro é importante fazer um orçamento do reparo. Assim, dependendo do valor, se este for maior que a franquia, compensa fazer o reparo no particular, como já havíamos mencionado.

Agora, se o acidente trouxe danos graves aos dois carros envolvidos ou a um deles, você não deve nem pensar no valor da franquia.

É preciso registrar o sinistro na sua seguradora e ela tomará conta de todos os procedimentos necessários para o conserto dos veículos envolvidos no acidente. Lembrando que a franquia do conserto de todos os carros será paga pelo causador do acidente, portanto, você.

O que tiramos disso tudo?

O seguro veicular não dá apenas respaldo em casos de acidentes. Mas também, em casos quando o seu carro é furtado ou sofre uma pane geral em um local sem acesso à ajuda. Isso, lógico, dependendo do seguro contratado.

Por isso, é muito importante contar com um seguro veicular. Muitas vezes é melhor pagar a franquia do que ficar sem o seu carro.

Dessa forma, antes de acionar o seguro, se informe sobre os valores cobrados pela seguradora em casos de acidentes ou reparos pequenos. Avalie os valores com o custo cobrado no conserto independente.

Confira outros artigos sobre seguro auto:

Se informando, sabendo das suas condições e do problema do seu carro, você saberá se é melhor acionar o seguro ou acionar o mecânico. Lembrando que todo reparo realizado no seu carro deve ser notificado à seguradora. Esperamos que, com esse artigo, você tenha entendido sobre quando acionar o seguro do seu carro.




Ficou com alguma dúvida?
Corretor Online
Abrir Atendimento Online

Ou nós ligamos para você
Realize uma cotação
e simule online
Entre em contato conosco e encontre o melhor benefício para você!