20 de abril de 2021
Categorias Seguros

Seguro para Motos: Proteção necessária para quem vive sobre duas rodas

Quem anda de moto sabe o prazer que é andar sobre duas rodas. Mas assim como tudo no trânsito, andar de moto também tem os seus riscos. Saiba como ficar protegido através do Seguro para Motocicletas.

O trânsito está cada dia mais intenso, não só nas grandes cidades, mas também nas pequenas, especialmente nos horários de pico, em que a maioria da população precisa se deslocar entre sua casa, trabalho e estudos. Somado a esse fato temos o aumento no preço dos combustíveis, algo que estamos acompanhando há um bom tempo e que parece não ter fim. Esses dois fatores fazem com que andar de moto seja uma decisão comum de muitos homens e mulheres por todo o país. 

Depois de tomada essa decisão e depois da aquisição da moto, muitos motociclistas se veem na dúvida sobre como contratar um 

seguro para a sua amiga de duas rodas. Afinal de contas, assim como em qualquer situação, também estamos expostos a riscos ao andar de moto. 

Ao contrário do que se pode imaginar, o seguro para moto é muito similar ao seguro para automóveis. Nele, é possível contratar coberturas contra furto, roubo, colisão, incêndio, danos a terceiros etc. Assim como o seguro para carros, o seguro para motos também terá o seu valor definido de acordo com os riscos aos quais a motocicleta é exposta. São levados em consideração fatores estatísticos, dados pessoais do condutor, local onde reside e onde a moto passa a noite etc. 

Se engana quem pensa que não compensa contratar um seguro para a moto, pois, assim como toda modalidade de seguros, é uma proteção para o seu patrimônio. É preciso identificar e avaliar as suas necessidades e verificar se a seguradora atende a todas elas.  

Em linhas gerais, é possível afirmar que se você usa a moto diariamente e se mora em uma cidade com grande número de ocorrência de furtos e roubos, o seguro para moto é algo indispensável. Quanto mais você a utiliza, maiores são as chances de roubos, furtos, colisões e danos na pintura, que podem trazer uma grande dor de cabeça caso você não possua o seguro. 

Saber qual seguradora melhor atende às suas necessidades é algo que vai depender muito do seu perfil, do modelo da sua moto e também da sua necessidade de uso (diário, esporádico etc.). Por isso, é de extrema importância conversar com o seu corretor de seguros, para que, juntos, vocês possam decidir qual é o melhor tipo de seguro para a sua motocicleta. 

Se você tem mais alguma dúvida sobre como funciona ou como contratar o seguro para a sua motocicleta, entre em contato com um de nossos corretores. Eles estão preparados para te orientar nessa etapa tão importante.

Por hoje era isso, pessoal! Até a próxima!




Ficou com alguma dúvida?
Corretor Online
Abrir Atendimento Online

Ou nós ligamos para você
Realize uma cotação
e simule online
Entre em contato conosco e encontre o melhor benefício para você!